As meninas de ginástica olímpica do Brasil venceram as potenciais americanas nunca antes derrotadas por nenhuma outra equipe. A equipe composta por Rebeca Andrade, Flávia Saraiva, Julia Soares, Lorrane Oliveira, Carolyne Pedro, Christal Bezerra levaram a medalha de ouro de prova por equipes.

Flávia Saraiva e Rebeca Andrade garantiram as maiores notas que na soma total fizeram toda a diferença para essa disputa de equipes. Os Estados Unidos competiram com sua equipe principal o que mostra que o Brasil fez uma grande participação garantindo a medalha de ouro, os Estados Unidos a de prata e o Canadá a de bronze subindo ao pódio no terceiro lugar.

De olho em Tóquio 2020, Brasil dá sorte no chaveamento do Mundial de  ginástica artística | ginástica artística | ge

Na disputa no último aparelho o Brasil já iniciava com uma vantagem de quase dois pontos e meio, mas isso não era garantia de vitória, contudo trouxe um pouco mais de tranquilidade  para a equipe feminina que empolgou a torcida com a apresentação das meninas no solo que alcançaram as melhores notas.

Essa medalha traz mais entusiasmo e confianças para as meninas que terão em setembro mais uma disputa por um lugar no pódio. Dessa vez será o Mundial de Liverpool no final de setembro. O treinador Francisco Porath Júnior, o Xico, comentou, “Essa competição superou as expectativas e deu um resultado incrível para o Brasil. No final foi uma forte emoção, porque nós entendemos o sacrifício de cada atleta. Quando vemos o resultado acontecendo e que as decisões que toda a equipe tomou deram certo, dá uma satisfação muito grande”, destacou o treinador.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here